domingo, 21 de setembro de 2014

Mulheres “normais” tiram a roupa e falam de seus corpos em série inédita

serie302









Ao longo de dois anos, entre 2012 e 2013, o fotógrafo Jorge Bispo registrou imagens de mais de cem mulheres nuas em seu apartamento. Publicadas no tumblr “Apartamento 302”, as fotografias captam a intimidade de mulheres anônimas, com corpos muito longe do padrão estabelecido pelas revistas masculinas ou pela televisão. Reunidas em um livro, lançado no ano passado, as fotografias vinham acompanhadas apenas dos nomes das “modelos”.
Estes dois primeiros trabalhos – o site e o livro – agora serviram de ponto de partida para um projeto ainda mais provocador. Na série de TV “302”, estas mulheres se despem para Bispo enquanto, encarando a câmera, tentam explicar como enxergam a própria nudez.
Em alguns casos (assisti a três episódios), o strip-tease leva a reflexões profundas sobre a busca do corpo “perfeito”, aparência, beleza e felicidade. “Cada foto conta uma história”, diz Jorge Bispo, idealizador do projeto junto com o jornalista David Butter. “O '302' é uma série sobre fotografia, mas é sobretudo uma série sobre histórias. A história de cada mulher colore cada episódio de uma maneira diferente'', acrescenta Butter.
Há um cuidado especial na maneira de expor a nudez e a intimidade das mulheres fotografadas (veja algumas imagens abaixo). Esse talvez seja o mérito maior da série, dirigida por Daniela Gleiser e Joana Jabace. Não há nenhuma exploração ou exibição gratuita do corpo feminino. Ao contrário, a câmera também trata a nudez com naturalidade, fugindo da tentação de chocar .
As mulheres foram recrutadas por Bispo no Facebook, e não receberam cachê pelo trabalho. Em 26 episódios de 10 minutos cada, a série vai ao ar à meia-noite, de sábado para domingo, no Canal Brasil.
FONTE: mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br